Sábado, 1 de Outubro de 2011

Un amico è così...

 

 

Amiga...
não são dias, nem meses...
mas sim anos que sei de ti.
Tu sempre com o peito aberto...
á boca do coração.
Hoje Amiga...
tenho os dedos doridos de tanto escrever...
e um pouco de solidão.
pensa-me... devagar.
mas, regressa-me.
traz... ao ombros uma história.
com um final feliz...
e sussurra-ma...
devagarinho.
conta-ma... com os anos...
e deixa-a envelhecer com os meus ouvidos. Pensa-me...
serenamente...
pela tarde...
pela vida adiante.
Sabes...
amiga Alzira?
Vivemos contra o tempo...
esse...
deixa-nos...um dia...
esquecidos...
numa página qualquer de um livro velho... deixa-nos esmagar...
com o marcador de páginas...
mas...
ainda que se finde o tempo...
ainda que eu morra...
o que ficar desta amizade...
será... sempre...em ti
um pouco mais.
um pouco mais de luz...
até ser noite...
Não há um meu, um teu,

há apenas um nosso,

aquele pedaço de essência que nos faz tão iguais a nós próprios,

como aos outros todos que connosco caminham.

Não possuímos o que não criamos,

e ainda assim, criar não é apenas dar vida, mas cuidar.

Com amizade...Rui.

 

 

http://blogs.blogs.sapo.pt/157050.html#ponto2
publicado por Alzira Macedo às 06:19
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Alzira Macedo a 3 de Dezembro de 2011 às 02:19
Amigo Rui

De coração triste fiquei, em ler as tuas palavras de amizade
não,… Por não ter gostado
mas sim por não te, ter comentado
passei meses fora num projecto que em nada deu
deixando os amigos carinhosos a escrever para mim sem uma resposta…
Não tenho desculpa…
confesso, ser culpada em abandonar o meu mais intimo recanto que é o da escrita
o da partilha
o da verdadeira amizade….
Como me sinto culpada….
Não te sintas cansado pela demora
até porque eu volto sempre
Tardia, mas volto…
Lagrimas senti correr em meu rosto
quando de mim, precisaste e eu não estive presente
quantas vezes falamos em outros lugares e nada disseste….
Amigo Rui o tempo passa, mas não se esquece de nós
A nossa amizade será sempre marcada pela nossa devoção de amigos sinceros e serenos que somos
venha quem vier nada irá poder retirar dos verdadeiros sentimentos que nos une.
Jamais irás morrer Rui ….
Até porque ficarás eternamente na minha memória, no meu coração
assim como espero ficar em ti …
Nesse pedaço de coração nobre que tens
que irá se recordar da melhor amizade de sempre….
Dos momentos de partilha serenas, onde a nossa família tudo conhece e aceita
porque sabem a ligação que nos une…
Amizade em mais alto grão
em mais alta confiança
Adoro-te, ter como amigo
Até diria (Amo-te meu amigo)
Mas nos tempos em que estamos, ainda duvidam dos verdadeiros sentimentos simples e verdadeiros
Então aqui fica um simples adoro-te amigo com um sentimento muito nobre…
Espero que nossos caminhos jamais se desencontrem
Jamais, iremos possuir seja o que for
Apenas a nossa grande amizade que é maravilhosa….
Com grande amizade Alzira


De rui a 11 de Dezembro de 2011 às 08:16
Deixa as tristezas e sorri...te mando no post a resposta a estas palavras pois Amiga como sempre digo longe mas sempre perto...
Uma jokinha do Rui


Comentar post

.mais sobre mim

.Ouve e relaxa

<

.posts recentes

. Puro sentimento

. Uma manha de lucidez

. Um Devaneio em alto mar.....

. Senti, escrevi

. A poveira

. Fragil, mas voltei...

. De Passagem

. Para ti Amiga

. Gratidão

. Te Lembro Amiga

.arquivos

. Julho 2014

. Outubro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011


casino en ligne

.Visitas