Domingo, 11 de Dezembro de 2011

O teu mar...

Amiga...leio tumultos lágrimas e arrependimento na estrada do teu regresso...
...Te mando o teu mar em vez de palavras.

O mar rumoroso que trazes sempre em ti,

um mar de sal e lutas

um mar que vai mas sempre vem e sem arrependimentos,

pois acim de tudo lutar sempre por um sonho...

esse teu mar que conheço rebelde mas limpído e cristalino.

 

 

Te mando o teu mar que trago no tempo

e todas as pérolas tuas lágrimas, alívio, vento no rosto, maresia e iodo, coral.

Te mando o mar que trago nos olhos,

cheios de amizade, cheios de terra,

ondas e espuma, um mar de amizade que esteve sempre perto de ti,

ainda que por momentos tu longe dele.

Te mando o mar que trago na poesia "nossa",

sal, sol, palavras minhas que sempre escutas-te mesmo com a rebentação.

Te mando o mar que foi e será sempre a nossa Amizade...

bem vinda Alzira Amiga....

DreeD Rui

 

publicado por Alzira Macedo às 08:06
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.Ouve e relaxa

<

.posts recentes

. Puro sentimento

. Uma manha de lucidez

. Um Devaneio em alto mar.....

. Senti, escrevi

. A poveira

. Fragil, mas voltei...

. De Passagem

. Para ti Amiga

. Gratidão

. Te Lembro Amiga

.arquivos

. Julho 2014

. Outubro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011