Quarta-feira, 4 de Janeiro de 2012

Sereia do teu (A)mar...

 

Amiga...para te encontrar tenho somente de te procurar no vento,

nas ondas da água salgada, nos cheiros de ar e iodo, cheiro de maresia e saudade, na rigidez da concha,

e te vejo de  olhos cobertos de sonhos e sorrisos e dedos moluscos.

Teu  corpo naufragado por onde te esgueiras estrela do mar, moréia, sereia desse mar,

onde so tu conheçes todas as frestas e esconderijos,

onde te aquietas em suaves mergulhos,

onde deslizas em algas, ondas, vagas, correntes

e te enroscas no casco, proa, mastro, porão,

onde bebes em profundezas e te mostras a menina...

sereia...

desse teu eterno mar...

Com Amizade DreeD

 

publicado por Alzira Macedo às 12:17
link | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim

.posts recentes

. Puro sentimento

. Uma manha de lucidez

. Um Devaneio em alto mar.....

. Senti, escrevi

. A poveira

. Fragil, mas voltei...

. De Passagem

. Para ti Amiga

. Gratidão

. Te Lembro Amiga

.arquivos

. Julho 2014

. Outubro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011